sexta-feira, 9 de abril de 2010

Arca de Deus, benção e maldição.

Posted by Atleta em Cristo On 15:03 1 comment



Arca da Deus, benção e maldição.

Sou fascinado pela sabedoria de Deus no velho testamento e todo cuidado ritualístico nas construções das arcas, templos, tabernáculo, etc. Toda medida, altura, comprimento, cor e material, locais, vestimentas, utensílios. Tudo isso sempre me fascinou mas também me confundiu no início de minhas leituras bíblicas. Nada parecia fazer sentido algum, e Deus parecia ser mais um tirano, um ditador de ordens e jeitos, sem ao menos explicar o porque de cada exigência e detalhismo.


Um dos meus heróis israelitas prediletos é Davi. Não o Rei Davi em si, mas o poeta Davi e o ex-plebeu homem Davi que por um longo tempo foi a representação de autoridade somada a simplicidade e humildade, que fez dele um representante quebrantado e reconhecido pelo próprio Deus EU SOU como: o homem segundo o coração de Deus.

Tal episódio na vida de Davi diz à respeito a ARCA DA ALIANÇA, a Presença de Deus, que foi construída ainda nos tempos de Moisés e que seguiu gerações conseguintes.

2 Sm 6:12: ''E disseram ao rei Davi: o Senhor tem abençoado a família de Obede-Edom e tudo o que ele possui, por causa da arca de Deus''.

Perguntas importantes: Quem pode conduzir a Arca? Qual o propósito da Arca? Que responsabilidades a Arca nos propõe? Benção do Senhor ou Senhor da Benção?

SIMBOLISMO É AMPARADO PELA PALAVRA.

40 Anos atrás, contemporâneo ao Profeta Samuel ( 1Sm 3:19) o povo Israelita ao se defrontarem contra o povo filisteu e estavam perdendo a batalha, então repararam que estavam sem a Arca, que jazia em Siló, e mandaram buscá-la(1 Sm 4:3). O povo então vibra e saltita com a presença da Arca no acampamento, e temerosos mas não covardes os filisteus(ímpios e sem pacto com Deus) continuaram a batalha e venceram o povo israelita.

Porque eles perderam a batalha? A Arca se tornou maldição? Como se apropriar desse simbolismo?

Essas perguntas são importantes pois respondem os questionamentos. Devemos perguntar mais vezes para oxinegar o nosso cérebro e produzir novas idéias, conforme o Espírito nos revela, e Davi fez isso(1 Sm 6:9).

40 anos antes como mencionamos antes, esse povo israelita perdeu a batalha. O sacerdote responsável em guiar o povo na santidade e no temor do Senhor, Eli, já não tinha compromisso mais algum e por isso o povo pereceu, não se preparou espiritualmente conforme as ordenanças do Senhor para a batalha, tinham a representação mas não tinha a essência, tinham a bíblia mas não os mandamentos obedecidos, tinham os cultos mas não adoração, tinham religião mas não tinham espiritualidade. E essas batalhas israelitas representam as nossas batalhas do dia-a-dia, as dúvidas quanto ao caráter de Deus, quanto suas bençãos e justiça, as esperas, angústias, raivas, favor.
A Arca do Senhor havia sido tomada pelos filisteus, e Davi agora Rei queria restaurar essa que significava a Presença, A Glória e o Poder do Deus de Israel entre o povo. Vejamos, Davi já era um representante da Graça de Deus, pois o Senhor estava com ele( 2 Sm 5:10,12), mas diferente de Saul ele queria que todo o povo, a congregação, fossem um só pelo Deus de Israel. Depois de rodar em território felisteu ferindo e causando temores(1Sm 5:11-12,6:19), a presença de Deus que é a Arca pousa sobre a casa de Abinadabe. Ali em Quiriate-Jearim, território israelita permaneceu 20 anos e produziu muitas bençãos, pois Samuel conduzia o povo a exortação, súplica, clamor, quebrantamento. (1Sm 7:3,8,10).
Mas Davi procura e deseja trazer para Jerusalém, na Cidade de Davi, a Arca de Deus, pois ali é o seu lugar. Convoca 30.000 guerreiros valentes pra trazer a Arca.

2 Sm 6:6-9 ''Quando chegara à eira de Nacom, Uzá esticou o braço e segurou a arca de Deus, porque os bois haviam tropeçado. A ira do Senhor acendeu-se contra Uzá por seu ato de irreverência. Por isso o Senhor o feriu, e ele morreu ali mesmo, ao lado da arca de Deus...e Davi ficou contrariado e com medo do Senhor...''

O UNGIDO E SUAS RESPONSABILIDADES


Após esse episódio Davi ficou com medo e temeroso. Davi levou a Arca até Obede-Edom e ali permaneceu por 3 meses, e o Senhor o abençoe e a toda sua familia(1 Sm 6:11)
Porém Davi que era um adorador sábio e inteligente, procurou nas Escrituras(que representam os profetas e as leis) saber sobre o jeito de Deus e as responsabilidades aos homens. Davi então perde o medo por saber através das Escrituras a vontade de Deus e o seus mandamentos, e então Davi leva com louvor e alegria a Arca de Deus até a Cidade de Davi, onde o povo se reeunia e contemplava com temor e gozo a glória do Deus de Israel. (1Cr 15:2, 11-15)
Nós também estamos ungidos e temos nossas responsabilidades. ( Rm 6:17-22;12:1-2)

A ARCA E SEU CONTEÚDO

. Pote de Ouro que contém o Maná...Representa Jesus: Eu sou o pão vivo descido do céu. (Jo 6:32-35)
. Vará de Arão representa cada um de nós....Representa Jesus: Eu sou a videira verdadeira e vós os ramos. (Jo 15)
. As tábuas de Lei representam a Justiça de Deus sobre os homens.
. Sobre a Arca o propiciatório onde o Sacerdote colocava sangue. Deus olhava para a Lei e os mandamentos, as varas fora dos mandamentos, as vidas sem retidão e reverência, e então efetuou Justiça em Jesus....e o Sangue representa o Sangue de Jesus, o sacrifício. (Rm 1:16-17, 3: 19-26)

A ARCA E A CRUZ

. As duas varas cruzadas representam a CRUZ DE JESUS
. As argolas por onde passam as varas representam OS PREGOS, onde Jesus foi fixado na cruz.
. A arca foi feita de cetim...e Jesus foi morto no MADEIRO de cetim.



CERTEZA DA BENÇÃO

. Se estamos amparados pela Palavra, que é Jesus. (Jo 1:1-5; 1Jo 5;Sl 33:6; Is 55:11)
. Se estamos purificado pelo Sangue, que é de Jesus. (Hb 9:11-28; 1Jo 1:7; Mt 26:28 Ap 7:14)
. Se estamos fazendo do jeito de Deus, que não é intenção religiosa, é espiritualidade consciente.
. Tenhamos um ajuntamento espiritual em nome de Jesus. (Mt 18:19,20; Lc 24:49, 52; Ef 5:18-21)
. Alimente-se da Ceia, que é o Corpo e o Sangue de Jesus, pois é feito é sua memória. (Mateus 26;26-29, Marcos 14:22-25, Lucas 22:19-20, I Coríntios 11:23-26)
.Não é por força, nem violência, mas pelo meu Espírito. (Zc 4:6)

CERTEZA DA VIDA ETERNA

. Sem padroeiros. Jesus único intercessor. (Jo 14:6, Hb 7: 26)
. Sem pactos ou sacrifícios além de Jesus.  (Mt 4: 10)
. Sem reencarnação. Única vez morrer e após o juízo final. (Jo 14:6; Hb 9:27)
. Através do Batismo no Espírito.  Jesus é quem batiza. (Mt 3:11)
. Crer e Batizar (Mc 16:16; At 16:30-33)

Sejamos condutores temerosos e comprometidos com a Arca do Senhor, vencendo as batalhas visíveis e invisíveis, mas sobretudo guiando a nação a santidade, até a volta do Senhor.

Thiago Schmidel, Magdeburg-Alemanha.

1 comentários:

Primeiramente ao adentrar nesta página reconheço seu valor e a importância de seu autor(a) para a nobre causa do Senhor Jesus Cristo.
Dito isso, quero convidar você que está lendo estas minhas palavras, a prestar um pouco mais de atenção as revelações do Espírito Santo Verdadeiro em nossos dias. Por se tratar de um assunto de interesse universal, pediria sua amável atenção, em uma breve, mais com certeza, produtiva visita ao nosso blog, onde estão depositadas Revelações do Senhor Jesus Cristo, para as quais peço encarecidamente que nos ajude a divulgar. Pois estamos vivenciando um memento muito sensível da palavra profética. Desde já suplico as bênçãos do Pai, do Filho e do Espírito Santo Verdadeiro sobre todo aquele que atender esse nosso chamado em nome do Senhor Jesus Cristo. Clique em martins111 - João Joaquim Martins. OU http://joaorevela.blogspot.com/

Enviar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...